Previous Next
  • 1
  • 2
UFG e Comunidade da Construção GO promovem o Construct Ideathon – 1º Desafio Nacional Living Lab C A busca do Living Lab C por soluções criativas, inovadoras, aplicáveis na prática e com potencial de geração de negócios, contará com o reforço... Leia mais...
Nota Pública do Sinduscon-GO sobre o CUB no IPTU Em audiência pública ocorrida em 15.09.2021 visando a discussão social sobre as tratativas do novo Código Tributário Municipal, o Sinduscon-GO foi surpreendido com a informação... Leia mais...
93º ENIC - 18 a 21 de outubro (Inscrições Abertas) De 18 a 21 de outubro. 100% digital.100% gratuito.De um jeito que você nunca viu.Ainda mais inovador, fácil e acessível. Faça já sua inscrição: http://cbic.org.br/enic... Leia mais...

PUBLICIDADE HORIZONTAL

Destaques de Serviços

agenda eventos icon parceiros icon cub
locacoes icon convencoes icon

Mensagem do Presidente do Sinduscon-GO

Last Updated: 25 September 2021

Caros Associados gostaríamos de trazer uma reflexão destes primeiros meses da nova gestão. Ainda estamos em plena Pandemia do Covid, porém nossos canteiros e fábricas obtiveram bons resultados em suas estratégias de contenção da contaminação. Não obstante, perdemos vários amigos, parentes e vizinhos, definindo estes dois anos como a maior crise sanitária que o país já viveu. Em particular foi-se um de nossos diretores, o Miranides Esteves de Mattos, grande engenheiro civil, inestimável amigo de todos que tiverem a honra de com ele conviver.

Mas continuamos firmes, zelosos com nossos protocolos de segurança estabelecidos pelo Seconci – nosso serviço social da indústria da construção. A continuidade dos cuidados é condição primeva para a retomada com segurança.

Nosso setor passou, e está passando, por outra pandemia que é o desabastecimento e os aumentos dos materiais. O que estamos assistindo, desde agosto de 2020, é uma das maiores transferências de renda entre setores econômicos, das construtoras e sua cadeia para as indústrias de base, em particular as siderúrgicas e as cimenteiras. Os índices denunciam com IGPM batendo nos 35%, INCC e CUB convergindo para 19%. Particularmente alguns materiais subiram estratosféricos 190%. Está evidente que esta situação afetou o equilíbrio dos contratos, tanto nas obras públicas como privadas. Assunto que o Sinduscon GO, juntamente com outras entidades nacionais como a CBIC – Câmara Brasileira da Indústria da Construção e a CNI – Confederação Nacional da Indústria, tem tratado para encontrar alternativas legais para os reequilíbrios e a devolução do nosso setor para a normalidade. Aparentemente este mês de julho demonstrou sinais de arrefecimento dos aumentos, com o CUB cravando 0,55% de aumento no mês. Esperamos que isto seja a sinalização de mares menos bravios.

Por outro lado, o setor imobiliário se apresenta pujante, com significativo aumento de vendas. O que se observa são vários fenômenos que convergem para isso, como o movimento volta para casa e a valorização do ambiente de morar, consequência do isolamento da Pandemia assim como a diminuição das taxas de juros, tornando mais acessível o financiamento e também, do ponto de vista de investimento, uma migração de outros ativos para o setor imobiliário. Nas obras Industriais e Corporativos se observa o retorno das obras especialmente nos setores de alimentos, farmacêutico, celulose e de logística. No setor público o retorno ainda é tímido porém há grandes expectativas das obras privadas advindas de concessões e privatizações em especial na infraestrutura.

Muito está sendo feito porém sua ajuda é crucial para mantermos as ações em andamento e novas iniciativas que proporcionem uma melhoria do ambiente de negócios. Queremos compartilhar algumas de nossas atuações recentes:

  • Nova Lei de Licitações – Conseguimos que fossem aprovados dois pontos basilares: concorrência somente com projetos executivos e com licença ambiental já obtida.
  • Convenção Coletiva – Fechamos a CCT dentro do prazo normal, com boa interlocução com o sindicato laboral. Estamos convergindo para uma agenda comum de interesses mútuos aonde os nossos colaboradores são valorizados como nosso grande patrimônio.
  • As diretorias estão atuantes, seguindo o planejamento estratégico estabelecido no início do ano.
  • Estamos conseguindo um equilíbrio financeiro, em função dos grandes esforços das diretorias administrativa e financeira e, naturalmente, da excelente adesão das empresas associadas no sentido de manter a adimplência.
  • Reequilíbrio de Contratos – Participamos de várias incursões para o convencimento dos órgãos públicos da urgência e da necessidade indiscutível dos realinhamentos. Obtivemos junto à FGV – Fundação Getúlio Vargas a fundamentação dos sucessivos aumentos de materiais, dando base jurídicas aos pleitos.
  • Novo Plano Diretor de Goiânia – Estamos trabalhando junto com o FGH – Fórum Goiano da Habitação (Sinduscon GO, Ademi GO, ADU e Secovi GO) e o CODESE em gestões junto à Seplanh e à Câmara para que o plano seja producente e traga benefícios à todos, em especial ao bem estar do goianiense.
  • Novo Marco do Saneamento – Estamos acompanhando os passos da implantação deste importante instrumento que possibilitará a universalização do saneamento em Goiás até 2033. São estimados 24 bilhões de investimentos, grande parte deles em construção civil.
  • Implantação do BIM – Várias ações estão sendo desenvolvidas para a efetiva implantação. Uma das principais vertentes é a implantação do BIM para aprovação dos projetos na prefeitura de Goiânia e em todas as cidades goianas.
  • Agências Ambientais – Aproximação do sindicato com as autoridades do setor para tornar o licenciamento ambiental mais célere.
  • SANEAGO – Estamos tendo uma boa progressão em nossas tratativas no sentido de resolver os AVTOs necessários.
  • CAIXA – A interlocução que sempre foi profícua está mantida e resultará em melhorias nos processos de aprovação e celeridade.
  • ENEL – Estamos atuando com apoio da FIEG – Federação das Indústrias do Estado de Goiás, com forte solidariedade do presidente Sandro Mabel.
  • CREA – Conduzimos várias tratativas conjuntas, com boa interlocução, em especial em ações para a valorização da Engenharia e de compartilhamento do BI – Business Intelligence.
  • Novo Código Florestal Urbano – Estamos apoiando da forma como foi aprovado na Câmara dos Deputados, transferindo aos municípios a atribuição para legislar sobre os mananciais que passam pelas cidades. A partir de então teremos que atuar junto aos municípios para elaborar as legislações mais assertivas no setor.
  • Tecnologia – Temos feito eventos virtuais para trazer as melhores práticas e tecnologias disponíveis. Um destes instrumentos está sendo o Living Lab C, juntamente com a UFG – Universidade Federal de Goiás. Também a Comunidade da Construção – Grupo que reúne dezenas de construtoras e entidades buscando melhorias tecnológicas.
  • Sinduscon Jovem – Grupo de jovens empreendedores que participam com obtenção de mentorias, desenvolvimentos de habilidades e ações na sociedade. Convidamos aos jovens formandos e recém-formados a se juntarem ao grupo.

Enfim, há muito o que ser feito. Contamos com a sua sempre valorosa colaboração. Traga suas sugestões para que possamos ser proativos e que nossos esforços resultem em ganhos para as empresas e todo o nosso ecossistema da construção. Mão à obra!

Cezar Mortari – Presidente do Sinduscon GO


PARCERIA 

 

 cbic servicos


 

pasi sinduscon 

 

 

 

Subir